blogjucelioalmeida@gmail.com

Prefeito de JP não libera eventos e é alvo de nota de repúdio da Associação Paraibana dos Promotores de Eventos

Prefeito de JP não libera eventos e é alvo de nota de repúdio da Associação Paraibana dos Promotores de Eventos
Sítios para sair de noite em Portugal

Após divulgação do aumento no número de casos de Covid-19, na Paraíba, a Prefeitura Municipal de João Pessoa decidiu ”botar o pé no freio” na flexibilização do isolamento social do município. Com isso, uma reunião foi marcada com representantes do setor de eventos, onde foram informados que por enquanto, as atividades não serão liberadas. A presença do prefeito Luciano Cartaxo era esperada na reunião por representantes do setor, mas ele não apareceu.

A Associação Paraibana dos Promotores de grandes eventos da Paraíba, emitiu na manhã desta sexta-feira (16), uma nota de repúdio a Luciano Cartaxo, lamentando o descaso que vêm sofrendo por parte da prefeitura de João Pessoa.

VEJA NOTA :

Nota de repúdio

Mesmo com todas as dificuldades que o setor de grandes eventos da Paraíba enfrenta exatamente hoje ha 7 meses, nós que fazemos a Associação Paraibana dos Promotores e Profissionais de Grandes eventos(APAGE) lamentamos o total descaso dos políticos do nosso estado para com o setor do entretenimento.

Ontem, quinta-feira(15),o Prefeito Luciano Cartaxo nos solicitou uma reunião para abranger o diálogo que estamos clamando há meses: o retorno do entretenimento em João Pessoa(PB). O prefeito – que estaria com presença confirmada neste diálogo – não compareceu. Apenas esteve em nome da prefeitura o Secretário de Saúde, Adalberto Fulgêncio, no qual argumentou em relação à não flexibilização de eventos em João Pessoa(PB), sem clareza em suas palavras, e ainda o mesmo declarou de forma contundente na reunião que sobre alta de casos de COVID informada ontem pela imprensa, “a mesma não condiz com a realidade da cidade de J. Pessoa, e que há divergências os dados repassados pela Secretaria de Saúde do Estado”.

Por conta de tudo disso, VIMOS A PÚBLICO REPUDIAR, veementemente, o então prefeito Luciano Cartaxo, políticos, secretários que, a qualquer título, desrespeita o total descaso para com o setor de entretenimento.

A APAGE segue orientando os nossos associados a respeitarem todas as recomendações do governo estadual e seus municípios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *