blogjucelioalmeida@gmail.com

Um dos ingredientes de uma vitória é a humildade. Em Aparecida, Valdemir Oliveira tem de sobra

Um dos ingredientes de uma vitória é a humildade. Em Aparecida, Valdemir Oliveira tem de sobra
Ex-prefeito e atual vice de Aparecida, Valdemir Oliveira abdicou de uma candidatura natural para união a Oposição

É natural que diante uma eleição vitoriosa os holofotes se voltem ao político que conseguiu lograr êxito. Afinal, ele é o carro chefe da campanha. Mas, como ninguém consegue ultrapassar obstáculos sozinho, os bastidores de uma campanha eleitoral acabam por revelar nomes que foram primordiais ao sucesso de uma chapa.

No caso da vitória de João Neto (PL) na cidade de Aparecida, Alto Sertão paraibano, um colaborador conseguiu se notabilizar dentre os demais que em cada função também somaram para a retomada da Prefeitura daquela cidade. Falamos do ex-prefeito e atual vice-prefeito Valdemir Oliveira (Cidadania).

Um fato lhe é peculiar. A humildade, postura por demais importante na formação de um caminho que conduza à vitória. Detentor do mandato de prefeito por mais de seis meses e na condição de atual vice-prefeito, Valdemir Oliveira concentrava atributos suficientes para defender uma candidatura natural a prefeito de Aparecida, mas não o fez porque a humildade lhe fez enxergar o que poucos conseguem: espírito coletivo.

Diante da relutância de uma outra candidatura dentro da oposição, o que um ex-prefeito e atual vice faria? Fazia valer a imposição por conta do seu status e a ordem natural das coisas. Relutava, exigia, partia para briga na defesa do seu nome. Ao contrário, Valdemir parou, refletiu e com a consciência leve de um monge tibetano concluiu que ajudaria mais se, naquele momento, desse um passo atrás. Assim o fez. Concedeu a João Neto a incumbência de representar toda a oposição. Como resultado, Valdemir tem hoje uma jornada tão longa que para conclui-la deverá caminhar por quatro anos. Trocou um passo atrás por milhares à frente.

Um célebre provérbio diz: Três coisas agradam a todo o mundo: gentileza, frugalidade e humildade. Pois os gentis podem ser corajosos, os frugais podem ser liberais e os humildes podem ser condutores de homens”.

A postura de humildade de Valdemir Oliveira, que se revelou em grandeza de espírito, muito bem conduziu João Neto e todo o grupo de Oposição de Aparecida à redenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *